17.06.2020
Biblioteca Ozuela preocupada com a catalogação de livros

Decorre desde ontem (16.06.2020), até a próxima semana, na Biblioteca Ozuela da FCSH, o processo de catalogação digital de livros. A Biblioteca Ozuela conta com pouco mais de três mil obras, sendo que todas se encontram registadas manualmente. “O objectivo do registo digital é ter muito controlo dos livros e facilitar o processo de consulta”, disse Mendes Palma Moreira, estudante do 3.º ano na FCSH e colaborador da daquela biblioteca, desde Julho de 2018. O processo de catalogação digital de livros conta com o reforço de docentes que se aproveitando do período do estado de emergência em que a biblioteca encontra-se encerrada ao público, flexibilizam o processo. “Vínhamos fazendo o registo digital dos nossos livros de forma paulatina, mas agora, sentimos que deveríamos acelerar o processo, aproveitamento o encerramento”.

Importa salientar que no total são sete docentes, que têm a meta de fazer o registo de pelo menos 200 livros cada. “Esses docentes passaram por uma capacitação sobre como catalogar os livros”, informou, Realito Adamugy Ussene Momade, Chefe do Departamento de Documentação ao nível da FCSH.